sábado, 9 de agosto de 2014

Amor é...


Amor é irmos no carro, começar a dar a esta música na rádio e ele dar-me a mão e sorrir. 

quinta-feira, 31 de julho de 2014

Vai haver sempre uma força que me puxa para as palavras



Pensei muito mas mesmo muito antes de escrever isto. Pensei em mil e uma formas numa publicação de regresso e agora não me surge nada... Mas uma coisa é certa: este blogue vai ficar de novo ativo! Morro de saudades deste mundo que me conquistou desde cedo. 
Abandona-lo foi uma decisão repentina, deixei de me identificar com ele devido a situações que aconteceram na minha vida. Para voltar ao blogue tomei a decisão de apagar algumas publicações que já não fazem parte de mim, que já não me identifico no presente e que eram essencialmente a minha personalidade desfigurada por acontecimentos tristes que ocorriam vezes e vezes sem conta. Se fazem parte da minha vida? Claro que fazem, mas se quero voltar ao blogue elas já não podem existir. Há que começar de novo, haver um ponto de partida... Pensei em criar um blogue novo e sabem uma coisa? Tarefa mal sucedida! Estou demasiado agarrada ao Paint The Sky And Make It Yours para que tal aconteça! Talvez seja por isso que eu nunca escrevi um post de despedida, porque isso seria pôr um ponto final num mundo me acolheu tão bem e que era uma parte importante do meu dia a dia. 
Independentemente de estar afastada nunca deixei de visitar os vossos blogues e ler as vossas publicações diárias, sem dúvida que elas me aquecem o coração nos cinco ou cinquenta minutos que me dedico a isso. 
As saudades que tenho deste cantinho são tantas mas mesmo tantas que estou cheia de vontade de escrever! 
Dito isto tudo, olá de novo! 

sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Diário Académico #3


Sou sempre a que sofre com os penteados não entendo.. Devem gostar do meu cabelo por ser comprido e encaracolado ou então não sei. Já me fizerem um puxo e sabem o que saiu do puxo? Uma suposta antena de carro enorme! De modo a que eu conseguisse apanhar todas a estações de rádio (de preferência a rádio festival, mas eu acabei por dizer uma vez "nova era" assim de uma forma sensual e ainda não sei bem o porquê) e novidade das novidades também apanhar serviços de televisão como a Zon e Meo! Tive que dizer "Aplovado" não sei quantas vezes e falar com aquele sotaque inglês para um doutor. 
Ontem decidiram que eu devia ser uma rapariga das Arábias que foi raptada pelo tráfico de pessoas e foi parar à minha faculdade. Eu tinha o meu lenço preto a volta da cabeça e apertado num grande totó atrás - foi um doutor que o fez, viu-se logo porque demorou imenso tempo a fazê-lo. 
Ah tive também que dançar o créu e o rebolation em cima de uma vassoura (foi tão mau....................)
Antes que me esqueça, reparem bem nesta personagem: Ontem entrou um rapaz para a praxe e é preto e os doutores passam a vida a dizer para ninguém lhes tocar nas capas do traje, a que eles designam de preto. Ontem um doutor ia cumprimentar esse novo caloiro e o caloiro diz assim muito rápido "hey doutor não toca no preto!" Uma pérola como vocês estão a ver... 
Ma sim estou a adorar e sou uma coloirinha toda orgulhosa e babada pela minha faculdade.

Quando a blogosfera me enche o coração

E porque existem comentários que me dão tanta força... Comentário esse que merece agradecimento público, obrigada Daniela pela força e por me fazeres sorrir no fim da leitura das tuas palavras! São momentos como este que no fim contam para uma pessoa continuar presente neste grande mundo do blogger, desconhecidos que se tornam seguidores e que estão sempre aqui para nos lerem e darem apoio quando uma pessoa precisa e também para nos fazer rir com algumas publicações. 
Mais uma vez obrigada!

"Odeio quando o nosso equilíbrio está todo uma porcaria. Sorris quando pensas que estás bem, que agora vai melhorar, que és forte e vais seguir em frente... e passados minutos cais, choras, rebolas no chão, achas que o mundo acabou. Sentes uma depressão, que não conheces quem tu és - que tu não és assim, que se passa contigo? Que não te reconheces, que te sentes arrependida do que fazes logo no minuto seguinte a um ataque de raiva / ciúme. Mas que vai melhorar. E andas assim numa corda bamba. Mas sabes? Tens de ter força. Muita força. Porque tu tens tudo o que é necessário para vencer no mundo. És tu e vais ter uma vida maravilhosa mal isto passa. Lembra que o arco-íris vem sempre depois da tempestade, e não antes."

O blogue da Daniela é o ONE and ONE MILLION (http://oneandonemillion.blogspot.pt/) e visitem porque vão gostar. Eu podia estar aqui a dizer do que se trata, mas só lendo é que vocês vão perceber o porquê deste blogue ser especial e se tornar um "vicio de leitura"!

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Diário Académico #2

(Do dia dia 17-09-2013)

1 - Oh maravilha não tive a primeira aula, parece que a professora vai ter que andar a faltar por motivos pessoais... A gente agradece, mas também não sei como vamos acompanhar a matéria sinceramente..
2 - Fiz 6 amigos! Parece que vamos ser o grupo de faculdade até ao fim este ano.
3 - Estávamos no bar quando aparece um doutor e diz "caloirinhos? Venham atrás de mim já!" E lá fomos nós ser praxados.. Nem nos dão descanso, está uma pessoa a descansar e lá aparece um bando de capas negras com um ar maléfico.
4 - Tivemos que repetir a saudação 1665487348844883 vezes........ Até que uma colega minha ao saudar um veterano diz: "Ave veterinário"! Ai foi a risota total e a rapariga dava-lhe tanto no veterinário que não conseguia dizer veterano em latim. Lá nos rimos muito.
5 - Aprendemos a música do mastro (acho que nunca disse tanta asneira junta em apenas 3 frases e logo eu que não digo asneiras!) é divertida e eu fui a sereia que vai a rezar na proa, que categoria hã? Quem é que me destacou para este posto? O doutor todo giro....
6 - Corri tanto quando o veterano disse "o último a chegar enche 20!" Ai caraças corri como se a minha vida estivesse do outro lado, cheguei tão cansada como se fosse o Bolt a correr nos jogos olímpicos.. Acreditem!
7 - Nós os caloiros tivemos que estar deitados em fila com uma garrafa de água na barriga e tivemos que passar para a pessoa do lado sem tocar com as mãos braços e isso. Adivinhem a ordem... Rapaz/Rapariga; Rapaz/Rapariga. Os doutores sabem é muito e os rapazes ficaram alegres claro.
8 - Apanhei uma conversa muito engraçada que foi mais ou menos assim:
Caloiro 1: "Eish tantos doutores...!"
Caloiro 2: "Mesmo! Mas deixa lá que nós somos mais do que eles mano!"
WTF?! Estes querem organizar um motim contra os doutores... 
9 - Na minha última aula havia um doutor que saiu mais cedo do que nós para nos fazer uma esperinha à entrada da sala... Ai o moço...
10 - Depois da última aula eu e o grupinho fomos pelos corredores internos da faculdade que ninguém usa porque se anda muito para evitar os capas negras, tarefa bem sucedida!

Bem vou dormir que hoje já não aguento mais das pernas... 

Diário Académico #1

(Do dia 16-09-2013)


Primeiro dia de praxe (sim porque afinal aulas aulas só mesmo amanhã).
1 - Eu não tenho mãos, tenho cascos;
2 - Eu não digo  sim nem não, eu digo ió e ói;
3 - Nada de saias, calções, saltos altos e decotes. O doutor diz que não quer ver as nossas mamas a não ser que no fim a gente lhe vá pedir o número e depois combina-se um dia;
4 - Também não planeava levar nada disso para a praxe;
5 - Existe um doutor que se fixa em mim e não desvia os olhos, é muito creepy..... ;
6 - Tive que fazer a saudação em latim ai minha nossa que confusão! So consigo dizer bem a primeira palavra (Ave) e a ultima (saluto). O doutor diz que é uma vergonha;
7 - Já me magoei (como é obvio) a fazer o moche 69 do caloiro;
8 - Os doutores são todos uns fofos e elas são todas umas bruxas;
9 - Oh não posso esperar por amanha;
Vou dormir que estou mesmo cansada!

quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Pois é gente


E na segunda vai entrar uma novo tema aqui no estaminé e tchan tchan..... "Diário Académico". Isto porque segunda começam as aulinhas pela primeira vez na faculdade e não podia estar mais ansiosa. Decidi criar porque assim vou ter guardado tudo por escrito estes longos cinco anos que se aproximam, tanto as coisas boas como as más.

sábado, 17 de agosto de 2013

Oh que vergonha


Ontem à noite estava a sair do parque de estacionamento do shopping e estava parada no trânsito, uma rapaz começa a acenar, mas como estava escuro e não dava para perceber muito bem se era conhecido ou não eu acenei também (não fosse ser um colega qualquer que depois ia começar a dizer "tu nem cumprimentas as pessoas e blá blá blá"). O rapaz continuou a fazer o mesmo e eu retribui. Ao fim de três vezes ele vem ter comigo e diz "eu não te estava a dizer olá, eu estava a tentar dizer para ligares as luzes do carro".
Épah está aqui uma rapariga a pensar que é uma sex bomb e que até fica bem ao volante e esta gente estraga tudo, mas é que estraga tudo mesmo.
Oh meu deus, que vergonha. Vocês deviam ter visto a minha cara........ Épico. 

terça-feira, 13 de agosto de 2013

Pontos altos do dia


Andar uma hora à procura de estacionamento na marginal da praia e acabar por ir lanchar mesmo longe; Pedir um Compal e uma tosta-mista e a tosta-mista só aparecer à frente ao vim de meia hora porque a aconteceu qualquer coisa e a cozinheira foi embora deixando as tostas-mistas por fazer; No momento do pagamento foi qualquer coisa:
Funcionária - "Então o que é que foi?"
Eu - "Uma tosta-mista e um Compal"
Funcionária - "Ah uma tosta de fiambre"
Eu - "Uma tosta-mista"
Funcionária - "Uma tosta de fiambre"
Eu - "Com queijo!"
E mesmo assim foi chamar a outra funcionária para comprovar o pedido porque ela nem a mesa percebia onde eu estava; Falar sobre uma mulher que nasceu sem vagina e submeteu-se a uma cirurgia chamada neovagina; Apreciar o sol na esplanada; Estar meia hora no trânsito de volta a casa e perceber que tinha que voltar para trás por causa da escola de surf; Estacionar o carro à boss porque estava com pressa; Ir na minha vidinha atrás dos outros carrinhos e parar uma mota ao meu lado que fica a olhar fixamente para dentro do carro (a minha cara de medo assustou o moço, não era para menos.. Que susto que apanhei!); Ao jantar voltar a falar da neovagina e a minha prima perceber mais uma vez néonvagina e começarmos a imaginar o canal vaginal com luzes como tem o aeroporto e à medida que entra as luzes vão acendendo (mas que raio de conversa fomos ter) e eu rir-me durante cinco minutos sem parar imaginando a situação; Dar grande cabeçada numa prateleira. Bem para já foi isto. 

sábado, 10 de agosto de 2013

Surf


E porque amanhã de manhã ia surfar e já não vai dar e vai ter que adiado. Ai estou tão zangada!
Mas pronto a mãe já tratou de preencher a minha manhã com uma ida à Feira Medieval, sempre gostei de lá ir e amanhã não será excepção. 

Oh yeah


"Sometimes all you need is 20 seconds of insane courage. 20 seconds of embarrassing bravery".

MV

Foi a primeira vez que fui a este festival e numa única palavra posso descreve-lo: Brutal!
Fiquei surpreendida com o cartaz, a razão pela qual me levou a comprar o bilhete de acesso aos três dias. 
Primeiro dia: 
  • Bush - Não conhecia, mas passei a adorar! Foi o melhor concerto da noite. O vocalista tinha muita energia em palco e realmente é um sex symbol (para quem tem 47 está muito bem conservado, nem quero imaginar na altura em que a banda foi formada..). A melhor parte foi quando o vocalista decidiu sair a correr do palco e foi para a parte do relvado cantar uma das músicas mais populares deles, aí é que toda a gente saltou, gritou, cantou e percebemos que ia ser um concerto memorável e foi! Eu que achava que o primeiro dia me ia desapontar acabou por me surpreender.

  • Smashing Pumpkins - Ai não gostei nada! Eu estava à espera de bem melhor, mas que desilusão! Que falta de energia em palco, que falta que comunicação com o público é que nem interacção houve.. Foi do género "pronto chegamos, vamos cantar umas musicas que o pessoal mais gosta porque já ganhamos o nosso para depois irmos embora". Ouvir o CD ou ouvir Smashing é mesma coisa, foi o que me deu a entender depois do concerto. 
Segundo dia:
  • James Morrison - Deu para passar o tempo até à chegada do David Guetta, cantou algumas músicas conhecidas e só cantou as animadas! Eu estava a contar com o concerto assim a cair para o deprimente com musicas lamechas e calminhas, mas revelou-se e deu para dançar e o senhor estava todo bem disposto e contente por estar em Portugal e disse 1028272662262662 que estava feliz por ter um público como o nosso e aos anos que estava à espera de tocar num festival desta dimensão. Para descrever a atuacção dele subscrevo as palavras do James "hippie song for hippie people". Pronto, gostei. 

  • David Guetta - Eu como ouço um pouco de tudo (rock, grunge, reggae..) também aprecio House (e quem me dera estar no Tomorrowland) e adorei. Já tinha visto quatro vezes o David mas este foi bem melhor, ele estava com muita energia até começou a dançar em palco ao som das músicas em vez de se limitar a levantar os braços como todos fazem. Cantei bem alto ao som das músicas dele (desde as mais antigas às mais recentes) e dancei tanto.. Então quando ele disse "Are You Fucking Ready?! Raise your fucking hands and jumppppppp" não me controlei e a dança tomou conta de mim. Oh David quero-te ver mais vezes assim. 

Terceiro dia:
  • Rui Veloso - Eu estava convicta que o senhor ia cantar músicas antigas, mas enganei-me e não fui a única! Ninguém conhecia as letras, tirando duas ou três.. Mas deu para entreter antes de entrar a banda principal. 
  • 30 Seconds To Mars - OH ADOREI! Ao tempo que já andava para ir ver uma das minhas bandas preferidas ao vivo e finalmente isso concretizou-se. Este era o último concerto da tour europeia deste ano deles e por isso foi mesmo em grande, havia balões enormes no ar, jatos de água, insufláveis, acrobacias para nos entreter na mudança de música, mas o principal foi a banda em si estar cheia de energia e com vontade actuar. O Jared passou o concerto todo a expressar um carinho enorme por Portugal e no início disse "Sabem porque  é que este vai ser um concerto mágico? Porque esta cidade é a mais mágica que eu já vi". O concerto estava a passar em directo nos Estados Unidos! O Jared decidiu fazer um directo e fazia-nos gritar e depois dizia "América estes são os portugueses e eu estou a adorar!". Pronto eu ainda tinha muita coisa para falar sobre os 30 mas estou com sono e um dia mais tarde quando as saudades deste concerto baterem cá dentro talvez retorne a "reportagem". 

video

(Fotografias e vídeos da minha autoria por favor não utilizem)

Publicação que estava em rascunho

Boa Blogger -.-


Finalmente já vai dar para publicar, tudo o que eu escrevia ficava em rascunho! -.-
Portanto vai haver publicações atrasadas que já não têm nada haver com o dia de hoje, essas vão estar identificadas como "publicação que estava em rascunho". 

domingo, 14 de julho de 2013

Há estranhos simpáticos


Num sábado à tarde e eu e a mãe decidimos ir lanchar a uma confeitaria na praia, que já agora servem os melhores sumos naturais do mundo e arredores! Sento-me e vem o filho do dono servir-me e ele manda um sorriso enorme enquanto pergunta o que quero.
Mãe: "De todas as raparigas que estão aqui, tu és a única em que ele não tira os olhos de cima"
Oh não me acreditei, claro.. Com tanta rapariga gira, em biquini a passear pela montra, jeitosas ia mesmo olhar para mim que estava do mais simples, com o cabelo ao natural, sem maquilhagem, de calções de ganga, vans e um top branco. 
No fim fui pagar e ele ao dar-me o troco atrapalhou-se e deixou cair as moedas, pediu desculpa e eu ri-me de uma forma simpática.
Enquanto vinha embora, ele foi para a porta do estabelecimento e olhar dele perseguiu-me até eu entrar no carro, e no fim sorriu. 

E enquanto se vê a SIC notícias

                            
             (Foto da minha autoria)

Ahahaha